terça-feira, 5 de janeiro de 2010

O Amor

"Fizeram a gente acreditar que amor mesmo,
amor pra valer, só acontece uma vez,
geralmente antes dos 30 anos.

Não contaram pra nós que amor não é acionado,
nem chega com hora marcada

Fizeram a gente acreditar que cada um de nós é
a metade de uma laranja,
e que a vida só ganha sentido
quando encontramos a outra metade.

Não contaram que já nascemos inteiros,
que ninguém em nossa vida merece carregar
nas costas a responsabilidade de completar o
que nos falta: a gente cresce através da gente mesmo.
Se estivermos em boa companhia, é só mais agradável.

Fizeram a gente acreditar numa fórmula
chamada "dois em um", duas pessoas
pensando igual, agindo igual, que era
isso que funcionava.
Não nos contaram que isso tem nome: anulação.
Que só sendo indivíduos com personalidade
própria é que poderemos ter uma relação saudável.

Fizeram a gente acreditar que casamento é
obrigatório e que desejos fora de hora devem ser
reprimidos.

Fizeram a gente acreditar que os bonitos e
magros são mais amados, que os
que transam pouco são caretas, que os que
transam muito não são confiáveis,
e que sempre haverá um chinelo velho
para um pé torto.

Só não disseram que
existe muito mais cabeça torta do que pé torto.

Fizeram a gente acreditar que só há uma
fórmula de ser feliz, a mesma para
todos, e os que escapam dela estão
condenados à marginalidade.
Não nos contaram que estas fórmulas dão errado,
frustram as pessoas, são alienantes,
e que podemos tentar outras alternativas.


Ah, também não contaram que ninguém vai
contar isso tudo pra gente.
Cada um vai ter que descobrir sozinho.

E aí, quando você estiver muito
apaixonado por você mesmo, vai poder ser
muito feliz e se apaixonar por alguém."



(John Lennon)

7 comentários:

Barbarela disse...

QUE LINDO!

Carolina disse...

Lindo Demais!!!Começou bem o ano Zuquinha!!Beijão...muitas saudades!

MARCUS VINICIUS disse...

espetáaaaaaaaaculo .... mais descobrimos que nem tudo que nos contaram era verdade .... a diferença e a confiaça é a cola do amor ....quando se perde essa " cola "... é a hora que acabou ....
prazer em conhecer vc ... continue , só falta ser canceriana rsrsrsr

Unknown disse...

Palavras doce, só poderia vim de pessoas doce, parabéns e sucesso para você, acho você, muito linda e de enorme brilho, que você tenha todo sucesso do mundo.

Beijos de um simples fã seu.

Odair São Paulo.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Unknown disse...

Oi Julia

Confesso que não sou muito fã de novela, mas a historia do poder paralelo me chamou a atenção, gostei muito do seu personagem na novela e gostaria de parabenizá-la pelo trabalho e desejar muito sucesso nos próximos trabalhos.

Obs -
E por favor não deixe de postar, mais artigos e comentários no seu blog.

Um forte abraço do seu novo fã

Luis Rosa
luis.silva79@hotmail.com

Julia Sabugosa disse...

Obrigada pelos recados!

Me estimulam muito a escrever, nem imaginam..

Babi e Caroll sempre me acompanham. Amo as duas como irmãs escolhidas!

Marcus, Odair e Luis, OBRIGADA demais pelas palavras! Fico feliz em movimentar de alguma forma o coração e mente de vocês. A arte tem essa função nas nossas vidas!

Continuarei aqui, firme e forte!

Voltem sempre!

Beijoo